A CBDH concorre ao prêmio Innovare

Prezados ativistas em direitos humanos e população em geral:

Resultado de imagem para innovare

A Confederação Brasileira de Defesa dos Direitos Humanos – CBDH, através de sua presidente e vice presidente, D’jane Silva e Janete Vieira, respectivamente, com muita satisfação e orgulho, comunicam a todos que a instituição concorre este ano (2017) ao PRÊMIO INNOVARE, prêmio este destinado a “identificar e difundir práticas que contribuam para o aprimoramento da Justiça no Brasil.”

Recebemos na manhã do dia 16/0, a ligação do Instituto INNOVARE informando que a nossa prática entitulada como “Aplicações de Técnicas Empresariais na resolução de Conflitos: Justiça Restauraiva, Mediação, Negociação, Conciliação e Arbitragem“, que resultou no convênio com o Tribunal de Justiça da Bahia, passou para a segunda etapa da análise do prêmio INNOVARE.

Assim, no dia 05/07, às 14hs, a equipe do Instituto se fará presente para conhecer o Núcleo de Direitos Humanos e Cidadania de Itacaré e também toda a equipe que faz parte dele.

Sabemos que estamos só no começo, mas já ficamos felizes por termos sido aprovados na primeira fase do prêmio. Principalmente por entendermos que os Direitos Humanos vão mais além do a simples jargão “direitos de bandidos”.

A Cbdh Direitos Humanos se orgulha dessa mais nova conquista e da ajuda de todos nossos ativistas. Essa é uma excelente oportunidade de promover o Distrito de Taboquinhas e a cidade de Itacaré como um Município referência no auxílio à justiça, pacificação social e desenvolvimento humano e urbanístico.

Contamos com a ajuda e a torcida de todos pra irmos mais avante!